QUANDO A RUA VIRA CIDADE

O mundo, nos último 250 anos, desde o final do século XVIII, assistiu a uma enorme evolução da moradia, das formas de habitar.

No entanto, estranhamente, as ruas são praticamente as mesmas. Mesma morfologia, mesmo programa, mesma bidimensionalidade… Mudaram muito pouco neste período. Quase nada. São quase sempre o resto, o que sobrou do parcelamento.

Mas, e neste século XXI, o século das cidades, o século onde deixamos o aconchego ou, no mínimo, a tentativa de abrigo da unidade para encarar os desafios da conectividade plena e do compartilhamento, que será de nossas ruas? Quais serão as nossas ruas?

Por isso o LPP | Laboratório de Projetos e Políticas Públicas,  com o apoio do Instituto Cidade em Movimento realiza entre os dias 06 de 09 de junho de 2017 uma Charrette Internacional de Projeto (Atelier Intensivo de Projeto) sob o tema

QUANDO A RUA VIRA CIDADE

com a participação, na abertura e no encerramento dos professores convidados Pascal Amphoux da Escola Nacional Superior de Arquitetura de Nantes (França), Carlos Lop da Escola Superior Técnica de Arquitetura da Universidade Politécnica da Catalunha (Espanha) e Natalia Castaño da EAFIT – Urbam (Colômbia)
Uma charrette é um método já clássico de realizar exercícios de projeto, originado no final do século XIX, cuja maior característica é a imersão profunda no problema estudado e a intensa colaboração entre os participantes. O nome vem do costume dos estudantes deixarem tudo para a última hora e trabalharem sob pressão e é também uma homenagem ao veículo que levava os condenados para  guilhotina…

O tema QUANDO A RUA VIRA CIDADE, além de uma referência explícita ao clássico Quando a rua vira casa, busca propor o debate sobre sobre qual a natureza, o desenho, a morfologia, o programa das ruas neste século XXI, o século das cidades.

Para tanto, a ideia é conhecer e propor transformações em algumas ruas de São Paulo que contemplem estas suas possíveis características futuras.

A abertura dos trabalhos será na próxima terça-feira, dia 06 às 16h30 com a apresentação de nossos convidados falando sobre o tema. O exercício se desenvolverá na quarta-feira e quinta-feira, 07 e 08, das 09h00 às 19h00. Serão, portanto, 20h00 de projeto intenso. A apresentação dos resultados será na sexta-feira dia 09, a partir das 14h00. Não haverá trabalho na sexta pela manhã.

Sejam bem vindos professores, alunos de graduação e de pós-graduação.
Façam suas inscrições <aqui>. As vagas são limitadas.

Coordenação
Prof. Valter Caldana
Participação
Prof. Afonso Celso V. de Castro
Prof. Carlos Arriagada

 

Anúncios